4 técnicas para aumentar a produtividade em gestão de conteúdo

Posted on Posted in Blog
Quando você trabalha com produção de conteúdo, está lidando com os leitores quase que cara a cara. Afinal, exige que você entenda seus anseios, o que os inspira e que tipo de conteúdo irá beneficiá-los. Não é fácil. Ter uma conversa atenciosa com os clientes, identificar influenciadores nas redes sociais, prever tendências do mercado e os passos da concorrência, proteger a reputação da marca… Você definitivamente precisa ser uma pessoa bem produtiva para dar conta de tudo. Pois é isso que estas quatro técnicas vão te dar:

#1 Fazer o que é mais importante primeiro

Conforme o dia passa, menor é a probabilidade de você tomar uma boa decisão. Afinal, você já está cansado(a) e, provavelmente, sob pressão por não ter concluído o que precisava. Para você não viver nessa corda bamba, no topo da sua lista de tarefas deixe o que é mais importante. Porque o que é urgente, mas não é importante, outra pessoa pode realizar. O especialista recomenda: James Clear, pesquisador que já palestrou no Google e em Stanford, dá um exemplo pessoal: “Se eu tenho um artigo para escrever, pego um copo d’água e começo o quanto antes.” O que ele conclui é que, fazendo assim, você nunca terá um só dia em que não fez algo importante e, mesmo que nem tudo saia como você planejou (imprevistos sempre irão existir), você terá sido uma pessoa produtiva.

#2 Eliminar tarefas pela metade a todo custo

Você mal começou a trabalhar, quando, do nada, seu celular vibra. Você pode até adiar uns minutinhos a tentação de olhar, mas você vai olhar. E pronto. Está feito o desastre. Do celular, você pula para o e-mail, do e-mail para uma bate-papo com o colega do lado, e lá se vai o tempo que você precisava dedicar à primeira tarefa. Aprender a eliminar tarefas pela metade pode ser difícil no começo. Por isso, veja aqui em detalhes como agir. O especialista recomenda: James acredita que o ideal é definir um projeto de vida para o seu dia. Decida: “Hoje vou trabalhar nisto e nisto. Todo o resto é extra.” Tire o seu celular de vista, feche seu e-mail e só mantenha suas redes sociais se você estiver trabalhando nelas. Só então você conseguirá parar de fazer pela metade o que precisa e ainda terá tempo livre até para desperdiçar, se quiser.
Monitoramento de redes sociais e análise de mídia
Monitoramento de redes sociais e análise de mídia

#3 Perseguir o planejamento, não o prazo

Quando surgem imprevistos e o prazo aperta, você faz de tudo para cumpri-lo. Porém, para se tornar uma pessoa produtiva, em vez de definir um prazo para alcançar uma meta ou entregar uma tarefa (e se sentir um fracasso quando não conseguir), você deve definir o seu planejamento – e se manter fiel a ele, mesmo que precise reduzir seu objetivo. Veja um exemplo: O especialista recomenda: Digamos que você acordou com a intenção de correr 1km depois do expediente. Acontece que, durante o dia, sua agenda foi ficando insana e agora você só tem 20 minutos para correr. Nessa hora, você tem duas opções. A primeira é dizer: “Não tenho tempo para correr hoje” e gastar o pouco que você tem trabalhando ou fazendo outra coisa. Mas a outra opção é reduzir o objetivo e manter o planejamento: em vez de correr 1km, corra 500m ou faça 50 flexões. O que importa é criar esse hábito de perseguir o planejado, apesar de tudo e de todos. Da mesma forma que funciona com uma atividade física, essa técnica funciona com as tarefas que você precisa fazer, mas acha que não tem tempo.

#4 Usar um gerenciador de tarefas

Tarefas planejadas, listadas e priorizadas por ordem de importância, agora é hora de passar tudo para um software que ajuda a automatizar os processos burocráticos do seu dia a dia. Faça este teste e confira se você sabe usar um gerenciador de tarefas. O que recomendamos: Escolha um software que não precise ser instalado, mas que possa ser acessado online de qualquer computador, tablet e celular. Além de buscar por um bom preço, confira também se ele permite dialogar e compartilhar arquivos com a sua equipe sem trocar milhares de e-mails e acompanhar o andamento dos projetos sem convocar reuniões. Outro ponto para ficar de olho é se ele é capaz de medir os gastos dos projetos e reconhecer a produtividade dos profissionais. Autor: Antonio Carlos Soares, CEO do Runrun.it, software de gestão de tarefas, tempo e desempenho. Extraído do site http://ideas.scup.com/pt/suas-ideias/4-tecnicas-para-aumentar-a-produtividade-em-gestao-de-conteudo/

Comentários

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.